Europa em suspenso à espera do futuro da Espanha

Written by  //  23 de Julho de 2012  //  Por Perto  //  No comments

A Europa voltou a viver um dia negro devido aos riscos de Espanha ter de pedir um resgate internacional. Seria o pesadelo para a Zona Euro pois muitos acreditam que seria um passo para a desagregação da moeda única.

Espanha sempre foi uma economia demasiado grande para recorrer ao fundo de resgate da Europa para muitos analistas, mas os riscos de Mariano Rajoy não conseguir controlar a situação não param de aumentar. O país foi fortemente pressionado devido aos pedidos de ajuda das regiões autónomas ao Governo nacional, uma vez que não conseguem pagar as dívidas.

Os mercados estão fechados para alguns governos regionais e a própria Espanha começa a não suportar o que os investidores pedem para emprestar dinheiro ao país. As taxas de juro pedidas pelos investidores voltaram aos 7,5 por cento, acima da barreira dos sete que levou Portugal a pedir ajuda externa. As bolsas europeias reagiram durante todo o dia, com quedas bastante acentuadas. O PSI-20 3,41 por cento para 4591,92 pontos, com todas as cotadas no vermelho. Madrid desceu 1,1 por cento no final do dia, mas esteve a perder 5,5 por cento.

A pressionar a Europa está ainda a Grécia que continua a ser uma verdadeira dor de cabeça. Segundo o alemão Der Spiegel, o FMI já terá avisado a União Europeia que vai parar de ajudar o governo de Atenas, ou seja, não vai continuar a enviar o dinheiro acordado no segundo resgate. Conclusão: o país pode ficar sem forma de pagar dívidas e salários em Setembro.

About the Author

Diogo Carreira

Sempre sem juízo, numa luta constante pela liberdade de imprensa e de expressão. Jornalista profissional desde 2008, mas com o bichinho da escrita e da imagem desde os gloriosos anos da primária. O gravador em mini K7 transformou-se num iPhone, a máquina fotográfica de rolo é agora uma digital. O papel e caneta? Esses são os mesmos.

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm