CDS diz que não existe margem para mais impostos

Written by  //  4 de Setembro de 2012  //  Por Perto  //  No comments

Adolfo Mesquita Nunes disse aos técnicos da troika que não existe margem para mais impostos na economia portuguesa. Segundo o deputado do CDS-PP “não há espaço para agravações fiscais além do que está previsto”.

O CDS-PP lembrou aos técnicos da troika que se encontram no país para mais uma avaliação que não existe margem para mais impostos na economia. Adolfo Mesquita Nunes, no final de uma reunião que decorreu esta segunda-feira, disse que “não há espaço para agravações fiscais além do que está previsto no memorande de entendimento”.

As declarações do deputado do CDS-PP terão mesmo gerado alguma confusão. João Semedo, afirmou que o partido da coligação PSD/CDS estaria a entrar em desacordo com o que até à data tinha sido estipulado quando aparantemente teria pedido mais tempo e mais dinheiro para cumprir o programa. Segundo o deputado do Bloco de Esquerda “os partidos do Governo, particularmente o CDS, pediram mais tempo e mais dinheiro”.

Estas declarações foram logo desmentidas por Adolfo Mesquita. “Da parte do CDS não houve, nem de forma expressa nem de forma tácita, nenhum pedido nem de mais tempo nem de mais dinheiro”, afirmou o deputado. Aqui também o PSD interviu através de Miguel Frasquilo que afirmou aos jornalistas que nem ele nem o deputado Adolfo Mesquita terão sequer falado sobre o assunto.

Depos da reunião com os representantes da Comissão Europeia (CE), do Banco Central Europeu (BCE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI), os deputados afirmaram aos jornalistas que a avaliação era positiva no que toca ao cumprimento do programa. Os técnicos da Missão Internacional terão perguntado sobre as medidas opcionais para os cortes dos subsídios, sendo que, segundo Miguel Frasquilo, a troika terá também mostrado “flexibilidade para que o programa seja adaptados à situação económica” do país.

About the Author

Diana Rodrigues

Aspirante a Jornalista, estudo Ciências da Comunicação na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Apaixonada pela escrita e tudo o que ela envolve. Escrevo, leio e danço. Um caderno, um lápis, um livro e um mp3 são objectos essenciais. Fernando Pessoa dizia "Tenho em mim todos os sonhos do mundo", e apesar de não ter pessoas a viver dentro de mim, os sonhos também os tenho.

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm