FC Porto adia jogo e Benfica sagra-se campeão de Inverno

Written by  //  17 de Dezembro de 2012  //  Dezporto  //  No comments

A 12ª jornada devia ter arrancado na sexta-feira, no Bonfim, com o FC Porto a defrontar o Vitória de Setúbal. Mas o jogo foi adiado devido ao mau estado do relvado e o Benfica, goleando o Marítimo por 4-1, é o campeão de Inverno de 2012.

O jogo do FC Porto frente ao Vitória de Setúbal, a contar para a 12ª jornada, foi adiado devido à falta de condições do relvado. Aproveitando o cancelamento da partida, o Benfica goleou o Marítimo por 4-1 e garantiu o lugar de campeão de Inverno desta temporada. O título de campeão de Inverno é sempre atribuído ao clube que termina o ano civil como líder do campeonato.

Apesar da goleada final, o jogo frente ao Marítimo não foi fácil para o Benfica. As “águias” entraram a dominar a partida mas foi a equipa da Madeira quem inaugurou o marcador no Estádio da Luz. Apenas na segunda metade do jogo, onde o Benfica entrou empatado a uma bola com o Marítimo, é que os encarnados conseguiram dar a voltar e golear. Depois do árbitro Hugo Pacheco ter assinalado uma grande penalidade a favor do Benfica e mostrar o cartão vermelho a Robérge, não houve mais Marítimo. Rodrigo entrou perto do final do jogo e fez o 4-1 final.

Já o Sporting voltou a não conseguir vencer e empatou 1-1 frente ao Nacional. Durante a primeira parte, em que o Sporting perdia por uma bola a zero, tornou-se claro que os “leões” iam voltar a tropeçar. Na segunda parte o Sporting parecia disposto a mudar o rumo do jogo e Cédric, com um grande golo, empatou a partida. Pouco depois seguiu-se uma grande penalidade falhada por Wolfswinkel que não permitiu à equipa de Alvalade levar mais do que um ponto da Madeira.

About the Author

Cátia Carmo

Praticante assídua de vários tipos de desporto e amante da escrita, desde os meus 11 anos que decidi lutar para conjugar, profissionalmente, estas minhas duas paixões através de uma só: o jornalismo. Agora estudante de Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa vejo, aos poucos, o sonho a tornar-se realidade.

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm