“Um filme para nos divertir só pode ser uma boa razão para irem ao cinema”

Written by  //  3 de Abril de 2013  //  Dez.Conversas  //  No comments

Sofia RibeiroDefende a tese de que na vida nada se faz sem paixão e amor. No filme “Eclipse em Portugal” precisou destes dois ingredientes para filmar dentro do rio Tejo com temperaturas negativas e enfrentar a sua fobia a água. Venha saber como Sofia Ribeiro se preparou para dar vida à personagem Anita.

DezInteressante (Dez): Como foi a primeira experiência a fazer cinema?
Sofia Ribeiro (SR): Foi muito bom, enriquecedor, um grande desafio. É uma personagem completamente diferente das que já fiz até hoje, foi bom trabalhar com toda esta equipa e elenco. Foi muito trabalhoso porque o tempo também não nos ajudou, a temperatura aqui em Santarém é bastante fria, mas a cidade é muito bonita, foi bom estarmos aqui, correu tudo bem e agora é ver.

Dez: Quem é a Anita?
SR: É uma personagem extremamente complexa, só depois de verem é que vão perceber o que estou a dizer. É complicada, totalmente diferente de mim, não há nenhum ponto em que nos toquemos.

Dez: Como se preparou?
SR: Estive no Brasil a fazer um workshop de cinema para me ajudar neste sentido, uma vez que eu nunca tinha feito. Acima de tudo entreguei-me nas mãos do Alexandre Valente, que me dirigiu, e acreditei na direcção dele.

SF

Dez: É uma comédia. Houve situações caricatas durante as gravações?
SR: A mais difícil de todas foi, sem dúvida, ter ido para dentro do rio Tejo, em pleno Inverno, com água a temperaturas negativas e com a minha fobia a água. Foi muito difícil, mas foi mais um desafio cumprido e com toda a ajuda da equipa acabou por correr bem.

Dez: Porque devem os portugueses ir ao cinema ver este filme?
SR: Porque é uma comédia negra. É baseado em factos reais, está com um elenco brilhante, tem muito empenho e dedicação de todos, trabalho, sacrifício. Não estamos numa altura fácil, um filme para nos divertir e animar só pode ser uma boa razão para irem ao cinema vê-lo. É nosso, é português, feito por portugueses e em Portugal, são mais do que razões válidas para irem ver.

Dez: Já há novos projectos?
SR: Há vários, mas não posso falar. Em breve farei novela, voltarei ao ecrã.

About the Author

Cátia Carmo

Praticante assídua de vários tipos de desporto e amante da escrita, desde os meus 11 anos que decidi lutar para conjugar, profissionalmente, estas minhas duas paixões através de uma só: o jornalismo. Agora estudante de Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa vejo, aos poucos, o sonho a tornar-se realidade.

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm