Fundador do euro defende o fim do mesmo

Written by  //  9 de Maio de 2013  //  De Longe  //  No comments

oskar lafontaineOskar Lafontaine, ex-ministro das Finanças alemão e um dos fundadores da moeda única, defende o fim desta para que os países do Sul possam recuperar.  O ex-ministro referiu ainda que o espírito do euro falhou.

Oskar Lafontaine, um dos fundadores do euro, defendeu o fim do euro para que os países do Sul possam recuperar. O ex- ministro das finanças alemão referiu que “os alemães ainda não perceberam que o sul da Europa, incluindo a França, será forçado pela sua miséria actual a lutar, mais cedo ou mais tarde, contra a hegemonia alemã”.

Lafointaine criticou também a política salarial da chanceler alemã Angela Merkel referindo que esta “vai despertar do seu sono hipócrita quando, a sofrer por causa da política salarial alemã, os países europeus unirem forças para fazer um ponto de viragem na crise penalizando inevitavelmente as exportações alemãs”.  O ex-ministro considera que o espírito do euro falhou porque nos países do euro a política de salários não está bem coordenada com a produtividade.

About the Author

Ana Raquel Pinto

Licenciada em Ciências da Comunicação pelo ISCSP sempre vi o jornalismo como uma das melhores maneiras de conhecer o mundo

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm