Óculos japoneses traduzem e apresentam-lhe o mundo na sua língua

Written by  //  10 de Outubro de 2013  //  Dez.Conversas  //  No comments

oculosCom os novos óculos “inteligentes” pode estar do outro lado do mundo, mas vai sentir-se em casa. Com capacidade para traduzir qualquer texto e apresentar-lhe essa informação automaticamente, estes óculos vão permitir que se compreender o mundo em tempo real.

Brevemente só vai ser preciso olhar para compreender tudo o que o rodeia. Sim, mesmo tudo. Os novos óculos “inteligentes” vão conseguir traduzir qualquer texto de forma instantânea e apresentá-la ao utilizador de imediato.

O processo é simples, dizem os engenheiros. Aquilo que estiver a ser observado pelo olhar do utilizador é captado por uma câmara e automaticamente enviado para um servidor “cloud”. Os caracteres são analisados em tempo real, por um programa, e de seguida a tradução é enviada novamente para as lentes. A informação fica assim diante dos olhos do utilizador e disponível na língua do próprio.

oculosActualmente, esta inovação, apresentada numa feira de tecnologia no Japão, pela companhia de telecomunicações nipónica DoCoMo durante a CEATED (Combined Exhibition of Advanced Tecnologies), só tem capacidade para traduzir coreano, japonês e chinês para a língua inglesa. No entanto, os engenheiros da DoCoMo pretendem que este objecto consiga vir a traduzir qualquer língua, para qualquer idioma.

Para já estes óculos vão continuar longe das mãos e dos olhos do público, prevendo-se a entrada no mercado somente para 2020. Por agora, a empresa pretende continuar a aperfeiçoar a tecnologia utilizada e a melhorar o design dos óculos, de modo a tornar a utilização do objecto mais cómoda e fácil.

About the Author

Florbela Lourenço

Vinda do interior do país, estudo Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa. Gosto de ler, escrever e observar o que me rodeia. Tenho como objectivo trabalhar na área do jornalismo, sobretudo em televisão e/ou imprensa.

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm