Polícia britânica dá a conhecer retratos-robô de suspeito no caso de Maddie

Written by  //  14 de Outubro de 2013  //  De Longe  //  No comments

retratos-robôA polícia britânica continua a procurar Madeleine McCann e divulga agora dois retratos-robô de um homem suspeito no rapto. Para além dos retratos divulgados, a polícia garante vir ainda a apresentar mais alguns que podem ser importantes para o caso.

Seis anos depois do desaparecimento de Madeleine McCann as forças britânicas continuam a averiguar o que se passou na Praia da Luz, no Algarve, a 3 de Maio de 2007. Esta segunda-feira, foram revelados dois retratos-robô de um homem que, segundo a polícia britânica, pode estar envolvido no caso.

Os retratos-robô apresentados resultaram da descrição de duas testemunhas diferentes que garantem ter visto um homem “de raça branca, com idade entre os 20 e os 40 anos, cabelo castanho curto, estatura média e cara sem barba”, na Praia da Luz, a 3 de Maio de 2007. Ao comparar os dois retratos, a polícia chegou à conclusão de que se pode tratar do mesmo homem.

maddie“Estamos a pedir ajuda ao público. Embora este homem possa ser ou não uma peça-chave para desbloquear esta investigação, encontrá-lo e falar com ele é de importância vital para nós”, uma vez que há “testemunhas que o colocam na área próxima do Resort, perto da hora do desaparecimento de Madeleine”, explicou Andy Redwood, inspector-chefe da polícia britânica. No entanto, “esta está longe de ser a nossa única linha de investigação e haverá mais retratos-robô, de outras pessoas que também temos interesse em identificar”, garante.

A polícia britânica admite existirem novas pistas, mas apenas adianta que a investigação se está a concentrar sobretudo no período entre as 20h30 e as 22h daquela noite. Segundo o jornal Guardian, a polícia portuguesa tem-se mostrado disponível para colaborar na procura de novas pistas, tendo realizado alguns interrogatórios pedidos pela polícia britânica nos últimos tempos.

About the Author

Florbela Lourenço

Vinda do interior do país, estudo Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa. Gosto de ler, escrever e observar o que me rodeia. Tenho como objectivo trabalhar na área do jornalismo, sobretudo em televisão e/ou imprensa.

View all posts by

Leave a Comment

comm comm comm